quinta-feira, 26 de julho de 2018

Natalia Oliveira recebe homenagem na Prefeitura


Nesta quarta-feira, dia 25/07, a Judoca, natural de Cachoeirinha, Natália Sanson Oliveira, recebeu uma justa homenagem do prefeito Miki Breier pelas suas conquistas nos tatames do Brasil.
Entre os principais títulos em sua curta carreira no Judô, estão a de campeã Pan Americana, Tricampeão Brasileira, Tricampeã Sul Brasileira e Pentacampeã Gaúcha.
Este ano, Natalia Oliveira, mesmo com seus 15 anos, disputa os campeonatos na categoria Sub 18, e desde 2017 está competindo pela Sogipa.
A homenagem aconteceu no gabinete do prefeito, com a presença de vários membros da Secretaria de Esportes, representada pela Secretária Soninha, do diretor da Secretaria Carlos Fanfa e dos assessores Vanderlei e Neco Ponte Preta. Natalia estava acompanhada pela sua Mãe e suas duas Avós.
Títulos conquistados pela Natalia:
2018
Campeã Sul Brasileira em São Paulo
Campeã Brasileira na Bahia
Campeã Gaúcha
2017
Bronze no Campeonato Brasileiro na Bahia
Bronze nos jogos Escolares em Curitiba
Campeã Sul Brasileira no RGS
Campeã Brasileira Interclubes no RN
Prata na Copa São Paulo em São Paulo
2016
Campeã Meeting Interclubes em Santa Catarina
2015
Campeã Pan Americana na Argentina
Campeã Brasileira na Bahia
Campeã Sul Brasileira em Santa Catarina
Campeã Gaúcha no RS
2014
Bronze no Pan Americano em Porto Rico
Campeã Brasileira na Paraíba
Bronze na Copa São Paulo em São Paulo
Campeã Gaúcha RS
2013
Prata no Meeting Interclubes em Santa Catarina
Campeã Gaúcha no RS











quinta-feira, 12 de julho de 2018

Natalia Oliveira é Prata no Pan-Americano

Neste dia 06 de julho, Natália Sanson Oliveira, conquistou a medalha de prata no campeonato Pan-Americano realizado em Córdoba  Argentina.
A Judoca de Cachoeirinha foi à Argentina e conquistou mais uma importante Medalha na sua carreira, a de Prata no campeonato Pan-Americano de Judô, categoria Sub 18, realizado em Córdoba, Argentina.
Na primeira luta, Natália, de apenas 15 anos, ganhou da Canadense Sarah Maloum por Wazari.
Na segunda luta Natalia venceu a Americana Marisol Torro também por Wazari.
Na terceira luta venceu a Porto- Riquenha  Sairy por Ippon.
 Na final,  Natalia Oliveira enfrentou a Cubana Nahomys Acosta, mais alta que nossa judoca, foi superada por imobilização.
Esta competição contou pontos para o ranking mundial, neste momento  Natália ocupa a vigésima primeira posição.






domingo, 10 de junho de 2018

Natália Oliveira é tricampeã brasileira de judô

A Judoca de Cachoeirinha Natália Oliveira venceu  mais um campeonato agora foi o Brasileiro de Judô realizado em Lauro de Freitas na Bahia se tornando tricampeã brasileira, na categoria Leve - Sub 18.
Com  os pontos da  conquista do campeonato  brasileiro a Natália que estava em terceiro no ranking nacional, assumiu a liderança garantindo a sua convocação para representar o Brasil no Campeonato Pan-Americano que será disputado em julho em Córdoba na  Argentina.
Natalia tinha em sua chave a presença de 31 judocas, para garantir o titulo a Natália teve que ganhar  cinco lutas fazendo a final com SP:
1ª Luta venceu  Lívia  Siqueira - Amazona
2ª Luta venceu Bianca Guedes - Paraíba
3ª venceu Tatiane dos Santos -  Pernambuco
4ª Luta venceu, Gabriela  Conceição – Espírito Santos
5ª Luta venceu  Bárbara Lopes – São Paulo













segunda-feira, 30 de abril de 2018

Natália Oliveira é pentacampeã Gaúcha de Judô

Natália Sanson Oliveira, vitórias e mais vitórias na carreira desta impressionante judoca de Cachoeirinha, agora é pentacampeã gaúcha
O título veio neste  sábado dia 28/04, Natália Oliveira conquistou o pentacampeonato gaúcho, na categoria Sub 18, e também conquistou uma vaga na seleção gaúcha para campeonato brasileiro de Judô que será realizado na Bahia,  nos dias 02 e 03 de junho.
Para conquistar título e a vaga para o Brasileiro,  Natália fez cinco lutas, com cinco vitorias.
O próximo compromisso da Natália já é no próximo sábado, dia 05 de maio, em Belo Horizonte onde  irá disputar a Taça Brasil.
Mesmo  com apenas 15 anos, Natália nesta Taça Brasil, irá lutar com judocas da categoria até Sub 21.



terça-feira, 17 de abril de 2018

Natalia é Tricampeã no Sul Brasileiro de Judô

Neste último domingo, dia 15 de abril,  a Cachoeirinhense Natália Sanson Oliveira conquistou o Tricampeonato Sul brasileiro de Judô em  São Paulo.
Mas, para esta Judoca, nada cai do céu, pois já sabia que este ano de 2018 seria de grande dificuldade,  Natália que completou recentemente 15 anos, vem participando na categoria Sub 18, aumentou a carga horária de treinos na Sogipa e também entrou para a academia  DRILL em Porto Alegre, que é  especializada em Jiu-jitsu.
Na disputa em São Paulo, na chave com 16 judocas, Natalia fez quatro lutas para se tornar campeã. Nesta competição cada estado(SC,PR,SP e RS) foram representados por quatro judocas.
Na primeira luta da Natália foi contra Santa Catarina venceu por IPPON, a segunda luta foi contra  São Paulo e nova vitória por IPPON.
A semifinal foi contra o Rio Grande do Sul,  vitória por Wazari e a final foi contra São Paulo, uma luta dura e nova vitória da Natalia por Wazari.
Mais uma vez a judoca de nosso município surpreendeu, pois neste campeonato, como este é o primeiro ano na categoria sub18, que  deveria ser de aprendizado,  não é o que esta acontecendo,  Natalia esteve podium em todas as competições  que disputou este ano.
O próximo campeonato da Natália será a seletiva para o brasileiro dia 28 de abril em Canoas.
Seu pai Rogério Alves de Oliveira, um dos grandes incentivadores da Natalia, fala com entusiasmo de sua filha:
Natalia: Tua determinação e dedicação pelo judô é contagiante, sempre querendo encerrar o treino de sexta feira melhor do que iniciou os treinos na segunda.
Nunca se abalou com as derrotas e muito menos se deslumbrou com as vitórias. Foi lindo de te ver lutando a final!





sábado, 3 de março de 2018

Natalia Oliveira, segue colecionando Ippon’s


Este ano não poderia começar melhor para judoca de Cachoeirinha Natália Sanson Oliveira, pois os resultados nas primeiras competições colocam  Natalia como terceira melhor judoca do país.
No inicio do mês de fevereiro a  Natália ficou em terceiro lugar no meeting, com a soma dos pontos da seletiva nacional a Natália se consolida como a terceira melhor judoca do país em seu primeiro ano na categoria sub 18.
No dia 25/02, Natália estreou na Super Copa Tramandaí de Judô, onde venceu todas as lutas por Ippon. 
No dia 28 de fevereiro,  Natália venceu a seletiva no CETE em Porto Alegre onde lhe deu o direito de fazer outra seletiva a nível nacional, que ocorrerá no final de março em São Paulo, caso vença esta seletiva,  Natália irá disputar  o Mundial  Escolar (Gymnasiade) em Marrakech no Marrocos.
 Natália segue treinando forte de segunda a sexta nos turnos da tarde e a noite na Sogipa onde o seu objetivo principal este ano é conquistar as seletivas nacionais do final do ano e se classificar para o mundial sub 18 em 2019.
Sogipa campeã
A Sogipa e o Projeto Victória levaram os primeiros troféus da temporada 2018 no Rio Grande do Sul. As equipes foram campeãs da Copa Abertura na Divisão Principal e de Acesso. O torneio reuniu mais de 500 atletas no Ginásio Municipal de Tramandaí, neste domingo.
A Sogipa somou 224 pontos, com 15 medalhas de Ouro, seis de Prata e 11 de Bronze. A Kiai ficou com o vice, com 201 pontos, tendo 10 campeões, 14 vices, além de seis bronzes. O GN União, em terceiro, com 13 Ouros, oito Pratas e seis Bronzes, com 190 pontos, Gaba  com 95 pontos e Holstein  com 87 completaram o pódio da Divisão Principal.


quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Natalia Oliveira é Tetracampeã no Judô Gaúcho

No inicio deste mês de dezembro, Natália Sanson Oliveira teve duas importantes participações,  conquistou o tetracampeonato Gaúcho de Judô e participou pela primeira vez de uma seletiva nacional na categoria sub 18.
Gaúcho de Judô
No ultimo sábado, dia 02 de dezembro, Natalia disputou o campeonato Gaúcho de Judô com cinco judocas e três lutas. A primeira luta venceu a judoca do Grêmio Náutico Gaúcho vencendo por IPPON, a segunda luta foi contra a Judoca do Grêmio Náutico União vencendo por imobilização e a final foi com a judoca da academia Rio Branco, Natalia, em uma brilhante luta, Natalia conquistou mais um titulo em 2017 ao vencer sua adversária por Ippon.
Categoria Sub 18
A partir do próximo ano, Natália  trocará de categoria, ela passará a atuar na sub 18. Uma categoria bem mais difícil, pois ela irá lutar com judocas bem mais velhas e graduadas.
Na categoria sub 18, conta pontos para seletivas Nacionais, torneios na Europa e campeonatos mundiais, de agora em o ranking é nacional e mundial.
É na categoria Sub 18 que acontece a maior numero desistência de judocas em função da grande dificuldade em superar os primeiros anos desta categoria, com poucas de medalhas, falta de incentivo ao esporte, faculdade, namorados, faz que muitas atletas fiquem pelo caminho.
Bronze na Seletiva Nacional
Neste sábado, 9/12, ocorreu uma seletiva nacional em Porto Alegre com todos os judocas de ponta na categoria sub 18, onde judocas da sub 15 foram convidadas a participar, com o objetivo de ganhar experiência em competição deste nível.
Nesta competição, a Judoca de Cachoeirinha atuou em uma chave que tinha trinta atletas, Natalia, até de forma surpreendente, lutou muito bem, fez sete combates, venceu seis,  perdeu somente uma luta, ficando com o bronze da competição. Com este resultado Natalia está classificada para o Meeting em São Paulo.
Este terceiro lugar já começa a contar pontos para a categoria sub 18 no próximo ano, os primeiros colocados irão competir em circuitos na Europa com tudo pago pela CBJ.
A diferenças de categoria são grandes, na Sub 15, as judocas participavam de campeonatos que davam direito a competições de nível Nacional, na Sub 18, a  participação das atletas em competições de nível Nacional, dá direito em participar em competições na Europa.
Esta  é a  diferença do esporte olímpico para outros esportes  que não são olímpicos. Existem uma série de seletivas e campeonatos, tanto a nível nacional como internacional, para depois representar o Brasil no exterior, para esporte não Olímpicos, os atletas não são obrigados a participar de seletivas e campeonatos de nível nacional,  basta apenas se inscrever junto a organização que realiza estas competições.
Fica o nosso apelo ao Prefeito Miki Breier, para prestar atenção neste talento chamada Natalia Oliveira, agora na categoria Sub 18 vai necessitar de apoio para algumas competições internacionais, a fim de ganhar mais experiência.
Jantar na Sogipa
Na última quinta-feira, Natalia participou do tradicional jantar de fim de ano na Sogipa, chamado de Fábrica de Campeões, onde vários judocas são homenageados por seus titulos.
A Natália foi homenageada pela conquista dos títulos Sul Brasileiro, Brasileiro Interclubes e Meeting.